II CICLO NACIONAL DE NOVILHADAS DAS ESCOLAS DE TOUREIO ARRANCA NA MOITA A 16 DE JULHO. - Carregar a Sorte

Post Top Ad

quinta-feira, 14 de julho de 2016

II CICLO NACIONAL DE NOVILHADAS DAS ESCOLAS DE TOUREIO ARRANCA NA MOITA A 16 DE JULHO.

Na noite do próximo sábado, 16 de Julho, pelas 22 horas, arranca na praça de toiros Daniel do Nascimento, o II Ciclo Nacional de Novilhadas das Escolas de Toureio, numa organização conjunta da Escola de Toureio José Falcão, de Vila Franca de Xira; da Escola de Toureio e Tauromaquia da Moita e da Academia do Campo PequenoReedita-se assim um ciclo de novilhadas que tanto êxito teve na temporada de 2012, com a finalidade de proporcionar a necessária rodagem aos jovens alunos das referidas escolas, numa promoção ao toureio a pé que conta com o apoio da Associação Portuguesa de Criadores de Toiros de Lide – através dos seus associados que fornecem reses, de forma gratuita, para que os festejos tenham viabilidade – e dos empresários Rafael VilhaisRicardo LevesinhoSoc. Campo Pequeno,Paulo Pessoa de CarvalhoSimão ComendaPaulo Vacas de Carvalho José Luís Gomes.
O ciclo tem programadas novilhadas para a Moita (16 de Julho), Beja (10 de Agosto), Coruche(14 de Agosto), Samora Correia (19 de Agosto), Salvaterra de Magos (2 de Setembro),
Montemor-o-Novo (3 de Setembro), Sobral de Monte Agraço (17 de Setembro), Campo Pequeno (1 de Outubro) e Vila Franca de Xira (9 de Outubro).
Em festejos mistos na categoria de “Novilhada Popular”, actuarão João Martins João d´Alva
(Vila Franca de Xira); Sérgio GonçalvesPaula SantosRúben Correia Luís Silva (Moita) e Sérgio Nunes (Campo Pequeno).
Os cavaleiros que participarão neste ciclo são: Os praticantes Francisco ParreiraFrancisco Correia LopesVerónica CabaçoAndeia Oliveira e a amadora Inês Silva Carvalho.
Vários serão também os Grupos de Forcados Amadores: Aposento da MoitaS. Manços,
BejaCorucheMontemor Vila Franca de Xira, entre outros.
Do festejo inaugural, na Moita, a 16 de Julho (inserido no 66.º aniversário da Daniel do Nascimento), fazem parte o cavaleiro praticante Francisco Correia Lopes; o Grupo de Forcados Amadores do Aposento da Moita; e os novilheiros João Martins, Sérgio Gonçalves, Sérgio Nunes e, como convidado, António Pintiado, da Escola de Toureio de Badajoz. Lidam-senovilhos de Calejo Pires, Palha, Cunhal Patrício Herds., Varela Crujo e Falé Filipe.