Toureio de Salão oferece bilhetes para corridas

Inscrições para Toureio de Salão terminam esta sexta-feira
Primeira grande competição nacional avalia candidatos dos 6 aos 18 anos,nas modalidades capote, bandarilhas simuladas e muleta
O prazo destinado às inscrições no primeiro Concurso Nacional de Toureio de Salão termina esta sexta-feira (dia 13). Os interessados, que devem ter idades entre os 6 e os 18 anos, podem fazê-lo gratuitamente através do site www.touradas.pt .

As candidaturas serão confirmadas pela organização, por resposta ao e-mail de inscrição até 19 de abril de 2018. A admissão a concurso está dependente do envio por e-mail ou entrega direta do termo de responsabilidade, assinado pelo tutor legal, até duas horas antes do início da eliminatória de participação, acompanhado do cartão de cidadão do participante
A competição, organizada pela Escola Taurina do Montijo, a Academia do Campo Pequeno, a marca Touradas e o Clube Taurino da Chamusca, realiza-se em duas eliminatórias: a primeira no dia 21 de abril, na praça de Toiros do Montijo; a segunda no dia 22 de abril, na praça de Toiros da Chamusca. A grande final será noCampo Pequeno, às 16h00, no dia 28 de abril, com entrada gratuita.
Este concurso tem três modalidades, nas quais os interessados se podem inscrever: capote, bandarilhas simuladas e muleta. A avaliação será feita separadamente. Cada concorrente poderá inscrever-se em uma ou em mais modalidades. A roupa a usar é livre, consoante a vontade do participante.
Os vencedores das eliminatórias e final vão ganhar bilhetes para corridas nas praças em que participaram. Todos têm bilhete garantido para a novilhada que também se realiza no dia 28, no Campo Pequeno.
Nesse mesmo dia, às 12h00, terá lugar um treino com tourinha pelo Grupo de Forcados Amadores de Lisboa.
Ao início da noite (21h45) realiza-se a novilhada inaugural do ‘IV Ciclo de Novilhadas das Escolas Taurinas’ na qual participa, Rui Jardim, em representação da Academia de Toureio do Campo Pequeno. No cartel figuram também os cavaleiros praticantes Antonio Prates, Ricardo Cravidão e Soraia Costa, os novilheiros praticantes Sérgio Nunes (Escola Taurina de Madrid), João D’Alva (Escola de Toureio José Falcão) e Luis Silva (Escola de Toureio e Tauromaquia da Moita), bem como os grupos de forcados amadores da Moita, Tertúlia Tauromáquica do Montijo e Arruda dos Vinhos. Lidam-se três novilhos para cavalo (Dr. António Silva, Passanha e Romão Tenório) e quatro para pé (Ribeiro Telles, Murteira Grave, São Torcato e Manuel Coimbra).
TAG