Últimas Noticias

“NOVO BURLADERO” N.º 304 JÁ ESTÁ Á VENDA

Já está à venda o N.º 304 da revista Novo Burladero, no regresso à sua periodicidade mensal. Com o romper da Primavera, centra-se no campo bravo grande parte desta edição, com a apresentação das camadas de duas ganadarias distintas, mas ambas a proporcionarem duas reportagens belíssimas, dada a variedade de pelagens e a classe dos toiros que se trás às páginas da NB: António Charrua e Sobral.A NB esteve também em duas tentas, onde se revelam as melhores imagens de dois dias magnificamente passados em ambiente campero de grande nível: na Quinta do Vidigal, sede das ganadarias de Pinto Barreiros e São Torcato; e na Herdade das Talasnas, de Manuel Veiga.A entrevista a António Vacas de Carvalho, cabo do Grupo de Forcados Amadores de Montemor-o-Novo, que teve início na passada edição, conclui-se este mês com o interessante relato das vivências intensas que pautam a parte final da passada temporada no seio deste grupo de fama que cumpre este ano 75 anos de existência.Paco Velázquez tomou a alternativa no México e este mês apresenta-se a prometida reportagem gráfica. Com a temporada já a decorrer, a NB acompanhou os festejos celebrados em Salvaterra de Magos, Alcáçovas, Serpa, Sobral de Monte Agraço e Alter do Chão, e ainda a Gala do Moço de Forcado que se realizou em Évora. Em Espanha, a NB foi a Huelva assistir à novilhada sem picadores onde Diogo Peseiro cortou uma orelha e onde debutou com êxito, como ganadero, José Luís Cochicho; a Badajoz, ao festival a favor de “Niño de Leganés” e também a Cáceres, onde se registou o triunfo de uma terna de novilheiros estremenhos com muito futuro.O Coronel José Henriques brinda os leitores com o seu costumado “A Tragédia na Festa”, referindo-se à vida e morte de José Cubero “Yiyo”; em “Afición sem fronteiras”, Carlos Martins conta-nos a interessante história daqueles que se apaixonaram pela Festa sendo oriundos de países sem tradição taurina; e Sérgio Perilhão conclui o curioso levantamento histórico de “Lisboa de outras eras”.Para além de tudo isto, poderá ainda ler, como é hábito, Tertúlia “NB” (David Leandro), À Boca do Burladero (Catarina Bexiga), Recordações a Preto e Branco (António José Zuzarte), As Fotografias com História (Duarte Chaparreiro), Com alma, tentando a sorte (João DiogoCâncio), a recuperação de mais um excelente texto de Solilóquio, o roteiro mais completo em

Cartaz de Toiros e as mais recentes actuações dos toureiros portugueses no estrangeiro.Não deixe de ler mais uma NB muito variada e recheada de artigos de interesse. Acompanhe a NB no facebook (www.facebook.com/NovoBurladero) colocando like na página. Visite também a NB em www.novoburladero.com.
Mensagem mais recente Mensagem antiga Página inicial