Parlamento chumba propostas anti-cultura e anti-taurinas do PAN. - Carregar a Sorte

Post Top Ad

quarta-feira, 16 de março de 2016

Parlamento chumba propostas anti-cultura e anti-taurinas do PAN.

O Partido dos Animais viu esta semana todas as suas iniciativas anti-cultura e anti-taurinas serem chumbadas pelo parlamento português, no âmbito da votação do orçamento de estado para 2016. 

O PAN, através do seu deputado André Silva, pretendia discriminar o sector cultural da tauromaquia, propondo o aumento do IVA dos bilhetes dos espetáculos tauromáquicos da taxa intermédia (13%) para a taxa máxima (23%). Esta era uma medida completamente absurda e discriminatória que o parlamento chumbou. 
O mesmo destino teve a medida discriminatória proposta pelo PAN para que os artistas tauromáquicos não tivessem direito à isenção de IVA como os restantes artistas das mais variadas áreas culturais. 
O Parlamento Português foi uma vez mais muito lúcido e não admitiu as tentativas radicais e discriminatórias propostas pelo PAN, que atentavam contra os direitos e liberdades dos artistas tauromáquicos e do acesso dos cidadãos à cultura. 
A Federação Portuguesa de Tauromaquia congratula-se com a atitude do Parlamento de salvaguardar os direitos e liberdades dos portugueses contra os ataques deste partido radical.